A Acupuntura de Saam

Imagem8.png
Imagem11.jpg
Imagem10.png
Imagem12.jpg
Imagem4.png
CAPA resized.jpg

Saam

- Perguntas mais frequentes

Após o lançamento de nosso livro "A Acupuntura dos 5 Elementos", recebemos várias perguntas que estamos reproduzindo aqui com as respectivas respostas.

Tire você também as suas dúvidas! Envie sua pergunta! Participe!

1. O que é S.A.A.M.?

Muita gente pensa que se trata de uma sigla, mas é o nome de um lendário monge budista conhecido como Sa-Aham, que quer dizer "homem das cavernas" em referência aos anos em que ele passou meditando e estudando, morando em uma caverna.

2. Qual a importância dele?

Através de estudos dos livros clássicos de medicina chinesa como Huangdi NeiJing  e de meditação, quando então conseguiu entender como a energia se move no corpo humano e  formulou seu “método de 4 agulhas”.

3. A fórmula básica dos 4 pontos recomenda tonificar a mãe para se tonificar o filho. Mas se o filho estiver deficiente e a mãe em excesso? Devo tonificar um órgão em excesso?

Essa questão foi levantada por DoWon, também coreano, que questionava o porquê da fórmula de Saam não utilizar as outras formas de conexões entre os 5 elementos. E isso poderia ser o motivo de em alguns casos não obterem a resposta desejada ao tratamento. Ele criou então o método das 8 agulhas, onde Mãe pode ser sedada, Filho tonificado e Neto tonifica ou seda Avô. Este método de DoWon é explicado em detalhes na página Biblioteca: Acupuntura Constitucional Coreana”

4. A técnica de Saam explica muito bem e valoriza o potencial dos pontos Nascente (Ting, Jing, Poço). Seriam os mais poderosos e por muitas características próprias, como por exemplo, dar maior velocidade ao tratamento. Porém meus pacientes reclamam porque doem muito. E por isso deixo de usar.

Sim, esses pontos são muito poderosos, aparecem muito no método das 4 agulhas  e não  utilizá-los reduz em muito a eficácia do tratamento. Existem agulhas pequenas, próprias para esse ponto, as agulhas "Ting". Elas são bem mais curtas que a convencional, mais leves e quase não oscilam. Realmente as agulhas maiores ficam “penduradas” no dedo do paciente, muitas vezes balançando pelo mínimo movimento do corpo e isso causa mais dor ainda. A ponta da agulha se movimenta   e fere a área ao redor, por dentro.

Eu costumo usar um pequeno truque, mesmo utilizando  as agulhas Ting:

Eu pressiono firmemente com o mandril o local do ponto e só depois e rapidamente insiro a agulha. A maior parte das vezes o paciente nada sente. O mandril pressionado, além de amortecer a área do ponto, afasta as células da pele, facilitando ainda mais a penetração da agulha.

Não deixe de usar este ponto. Em último caso use moxa ou cristais ou stipper. Ou mesmo digito pressão. Nas pessoas magras costumo usar as 8 agulhas Ting. Mas esse macete de comprimir o mandril, só precisa no ponto Jing (Ting - Nascente)).

Vídeos do Prof. Ephraim Ferreira Medeiros sobre alguns capítulos do Livro A Acupuntura dos 5 Elementos

Introdução aos Cinco Elementos

A Teoria Básica de Saam

A Energia Nutritiva

O Ponto Próprio

Desequilíbrio do Elemento Madeira

Desequilíbrio do Elemento Fogo

Desequilíbrio do Elemento Metal